quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

2008

Mais um ano que estamos iniciando.
E depois de quatro anos debaixo de um mesmo governo, devemos estar preparados para passar mais quatro sob este mesmo governo, que, se possível, prolongará esses quatro anos por mais pelo menos vinte anos de ditadura.
Mesmo com temor ao que possa suceder tais fatos,
Mesmo sem nos deixar esquecer os escândalos que ocorreram,
Mesmo sendo impossível apagar o “erro da democracia”, a ignóbil decisão do povo, ou, talvez, quem sabe, não um “erro da democracia”, mas sim, a execução do direito comercial de compra e venda, onde a miséria vale muito.
Porém, não quero logo em início de ano, apenas recordar os desacertos da democracia (e/ou da ditadura) brasileira.
Quero somente ser breve e desejar a todos que tenham um 2007 de paz na consciência, de maturidade, de integridade... Que todos possamos amadurecer e aprender não só com os erros dos outros, mas que também tenhamos os nossos, para entendermos a diferença entre a prática e a teoria.
Que ao fazermos a distinção entre prática e teoria, possamos entender definitivamente que demagogia não causa mudança, se não houver atitude. Pensar já é uma grande atitude, por em prática os pensamentos e as palavras... É DOM!
Façamos bom uso do DOM. Pois é assim que alcançaremos uma vida melhor, e um país descente para nós e nossas gerações...

Lauraine Santos.

Nenhum comentário: